A Universidade do Planalto Catarinense (UNIPLAC) de Lages certificou o Grupo de Estudos e Pesquisas "História, Sociedade e Educação no Brasil" – mais conhecido pela sigla HISTEDBR-SERRA CATARINENSE, que foi registrado no Diretório dos GTs do Brasil do CNPq.

Os pesquisadores científicos da área da educação, integrantes dos programas de pós-graduação stricto sensu da Educação Superior do Estado de Santa Catarina tiveram a oportunidade de estar inseridos no Grupo de Estudos e Pesquisas "História, Sociedade e Educação no Brasil" (HISTEDBR) durante cerca de dez anos, no período de 1998 a 2009, quando foi instituída a sucursal, o HISTEDBR-CONTESTADO, em funcionamento no âmbito do Programa de Mestrado em Educação da Universidade do Contestado (UnC), no Campus Universitário de Caçador.

O Programa de Mestrado em Educação da UnC foi desativado em 2008, após a suspensão de novas entradas de mestrandos em 2006, Em seguida, em 2010, quando da desintegração parcial do Sistema multi-campi da UnC, com a saída do campus de Caçador, a Reitoria da Universidade do Contestado não recredenciou este grupo de pesquisas no Diretório do CNPq, razão pela qual foi considerado extinto.

Apesar do funcionamento de vários programas de Mestrado em Educação nas IES do Estado (UDESC) e do Sistema ACAFE (UNOESC, UNIPLAC, UNISUL, FURB, UNIVALI), em nenhum deles foi criado uma sucursal do HISTEDBR, ou GT, como havia em Caçador.

Entretanto, com a inserção de docentes pesquisadores do antigo HISTEDBR-CONTESTADO no Programa de Mestrado Acadêmico em Educação na UNIPLAC, em Lages, surgiu a idéia da recriação de um GT catarinense ao HISTEDBR NACIONAL, que tem sede na UNICAMP, em Campinas, para que fosse possível a retomada dos laços de integração institucional que ligava os membros deste GT regional com os outros, em muitos estados brasileiros.

O Grupo define-se pelo amplo campo de investigação no qual a temática da educação é trabalhada desde a História, com os métodos e teorias próprios e característicos dessa área do conhecimento. A denominação “História, Sociedade e Educação” se vincula a um entendimento que remete ao historiador - aquele que exercita a História com seus métodos, teorias e instrumentais - a tarefa de dedicar-se, entre outros objetos e problemas de investigação, à educação que, por sua vez, não é mera abstração, mas é social, geográfica e historicamente determinada.

Com a Linha Mestra de Pesquisa em “Educação, Cultura e Políticas Públicas”, este GT, que foi confiado à liderança do Prof. Dr. Nilson Thomé, investiga processos educativos, com ênfase na educação popular, movimentos sociais, educação ambiental, cultura e políticas públicas. Com especial interesse nos estudos sobre diferença, etnicidade, gênero, geracional, território e sustentabilidade. Também investiga temas e problemas no âmbito da educação nos diversos níveis e espaços sócio-educativos; focaliza os processos e práticas pedagógicas e a formação de professores e educadores, no contexto das discussões sobre inclusão/exclusão social e das políticas de interiorização da educação básica e superior; preocupa-se com as dimensões teóricas e filosófico-epistemológicas da construção do conhecimento.

O GT HISTEDBR-SERRA CATARINENSE concentrará suas pesquisas em:

- Historiografia e questões teórico-metodológicas da história da educação: comporta estudos que tenham ênfase na Historiografia e/ou de análise de Questões Teórico-metodológicas da produção histórico-educacional brasileira.

- História das Políticas Educacionais no Brasil e em Santa Catarina: situam-se as investigações que tenham por objetivo o estudo de problemas e temas relacionados à história da política educacional brasileira e catarinense.

- História das Instituições Escolares no Brasil e em Santa Catarina: localizam-se os projetos que tenham por objeto a análise histórica das instituições educacionais que tenham importância para a compreensão da educação.